Número total de visualizações de página

terça-feira, 18 de setembro de 2012

O CHOQUE DAS IMAGENS DO ELEFANTE DESENGONÇADO ....



















Se dúvidas houvesse ….

A realidade é chocante.
Os problemas gravíssimos na estrutura do multiusos remontam à sua própria construção.
O multiusos nunca obteve o necessário licenciamento.
Francisco Lopes sempre soube do desengalhanço estrutural do seu multiusos e as razões porque não lhe é concedido licenciamento.
Lembrarmo-nos de que no interior deste elefante estragado e sem o mínimo de garantias de segurança, Francisco Lopes promoveu a circulação e permanência de centenas de pessoas, com as  realizações do jogo de apuramento para o campeonato do mundo de andebol, com a montra de oportunidades, com o concurso canino …. Choca! Muito.
A estrutura destinada ao café panorâmico do multiusos já começou a ser desmontada e demolida.
Francisco Lopes continua sem desentupir uma única explicação aos Lamecenses sobre o desengonçamento do seu elefante gigante …
Francisco Lopes não quer saber sequer, que quem paga os milhões dos engatanços e desengatanços do seu multiusos são os Lamecenses.
Há limites para tudo ….
Há limites …  na produção de elefantes …. que custam milhões que se não têm ….
Há limites para irresponsabilidade …  

 

 

O CASPER diz que as imagens têm a voz da grandeza da irresponsabilidade e que o elefante multiusos é o produto estragado de uma cegueira desenfreada.

Sem comentários: