Número total de visualizações de página

terça-feira, 19 de novembro de 2013

VELOCIDADE SUPER, MEGA, HIPER, TURBO SÓNICA ....






No início do ano de 2011 o Turismo Porto e Norte lançou uma nova ideia de informação turística que materializou na criação de Lojas Interativas de Turismo em todos os municípios da zona norte.
O Programa Operacional Regional do Norte (ON.2 – O Novo Norte) disponibilizou um pacote global de 15 milhões de euros para financiar a reconversão dos velhinhos Postos de Turismo nestas modernas infraestruturas turísticas que funcionam todas em rede.
Para que nada ficasse ao acaso, o Turismo Porto e Norte elaborou um guião, onde tudo fixou, inclusivamente a arquitetura e o designe das Lojas Interativas de Turismo.
Logo no ano de 2012 em toda a zona norte foram inaugurados diversos destes centros de informação turística.
No final deste ano de 2013, chegou a vez de Lamego ….
E chegou …. concursalmente ….. em velocidade mega, híper, super, turbo sónica !!!
Ora pois então, pousemo-nos sobre a parte do Projeto Arquitetónico:
·         Informação dos técnicos da Câmara para iniciar o procedimento - 30 Outubro 2013

·         Cabimentação de verba para pagar o projeto – 1 de Novembro 2013

·         Convite à empresa Barbosa e Guimarães L.da para apresentar proposta para a elaboração do projeto – 4 de Novembro de 2013

·         Projeto/parecer/informação para fundamentar a decisão de adjudicação à empresa Barbosa e Guimarães L.da – 5 de Novembro de 2013

·         Despacho do Presidente de decisão de adjudicação – 5 de Novembro de 2013

·         Assinatura do contrato entre a Câmara e a empresa Barbosa e Guimarães L.da – 7 de Novembro de 2013

A empresa Barbosa e Guimarães L.da cobrando de honorários 60.000€, comprometeu-se a fornecer o projeto para o edifício da Loja Interativa do Turismo de Lamego em 15 dias, o que feitas as contas, significa até ao dia 22 de Novembro de 2013 (dia 7/11/2013 + 15 dias).
Empurrados pela dita velocidade híper, mega, super, turbo sónica pousemo-nos no concurso para a empreitada de construção da Loja Interativa do Turismo de Lamego …...
No Diário da Republica do dia 7 de Novembro de 2013 é publicado o anúncio para o concurso desta empreitada !!!!!
E segundo o anúncio oficial os interessados em concorrer à construção da Loja Interativa do Turismo de Lamego podem desde o dia 7 de Novembro de 2013 consultar na Divisão de Obras da Câmara do Francisco Lopes as peças do concurso, onde necessariamente estão incluídos o projeto arquitetónico que têm de executar, o caderno de encargos que são assim umas folhas de papel onde por exemplo estão escritos os materiais que têm de utilizar.
Mais: o prazo para entrega das propostas construtivas termina às 17 horas do dia 18 de Novembro de 2013 (11º dia a contar da data de publicação do anúncio).
Quer dizer ……
·         estavam ainda, o Francisco Lopes e os Barbosas e Guimarães Limitadas, a assinar o contrato para que estes apresentassem em 15 dias o projeto arquitetónico da Loja Interativa do Turismo de Lamego e ……. no mesmo dia, já os senhores do  Diário da Republica publicavam o anuncio para o concurso da sua construção !!! 

·         estavam ainda, o Francisco Lopes e os Barbosas e Guimarães Limitadas, a assinar o contrato para que estes apresentassem em 15 dias o projeto arquitetónico da Loja Interativa do Turismo de Lamego e …….. no mesmo dia, já se podia consultar e ter acesso ao respetivo projeto na Câmara do Francisco Lopes !!!!

Com esta metamorfose de Turbo Man só falta mesmo, mesmo, mesmo sabermos qual será a velocidade super, mega, híper turbo sónica que Francisco Lopes aplicará à adjudicação da empreitada da Loja Interativa do Turismo !!!!!  
Na era do Turbo Man é possível que os projetos arquitetónicos sejam feitos e fiquem prontinhos antes de serem adjudicados aos ditos autores, e os construtores concorrentes conhecem-nos antes de ser aberto o concurso de empreitada ….   

 

 

O CASPER pergunta se já ouviram dizer que a empreitada da Loja Interativa do Turismo de Lamego vai ser adjudicada aos Marinhos. 

3 comentários:

Anónimo disse...

Qual é o problema disto tudo? Que obsessão tão doentia!! Parece que querem o mal para esta cidade.

Anónimo disse...

Realmente, qual é o problema de um concurso público ser feito de forma a ganha-lo quem a câmara quer. Raios, que obessão tão doentia com a democracia!

Anónimo disse...

Realmente este blog é muito doentio e obsessivo. Está sempre à procura de conflito. Paz precisa-se