Número total de visualizações de página

sexta-feira, 24 de maio de 2013

GRUNHISSES ....

 
 
 
E …. subitamente ……. depois de termos sido vitimas de 999.999.999.999 mil milhões de desgraças que já levamos no lombo e mais os 999.999.999.999 mil milhões de flagelos que ainda nos hão-de cair em cima …… o mundo dos Portugueses mudou !!! 
 
 
PRIMEIRO
Quer isto dizer que Pacheco Pereira e Lobo Xavier, alto e bom som, e para o povo português ouvir e engolir …… reconheceram, que o PSD e o CDS-PP foram os autores materiais da vinda da troika, do tipo de resgate a que estamos sujeitos e das medidas que nos matam.
Depois veio a igualmente insuspeita Manuela Ferreira Leite afirmar que: “Gaspar usa a troika como álibi” e “não acreditar que tenha sido a troika a impor as novas medidas sobre os pensionistas”
 
 
O CASPER diz que estes insuspeitos pouparam o autor moral do crime que nos tem assassinado …. Cavaco Silva
 
 
SEGUNDO
O Pai do 1º Ministro Passos Coelho veio a público dizer-nos que tem aconselhado o filho a demitir-se porque “isto não tem conserto. Entrega isto” e esclareceu-nos até que “ o meu filho está morto por se ver livre disto”
Ora como “ isto”  e o “disto” são os epítetos escolhidos para referir  um País e  um Povo, ficamos verdadeiramente inteirados sobre a menoridade que para esta gentalha representam os interesses supremos da nação Portuguesa e do seu Povo Português.
Somos uns meros ….. “isto”.
O nosso presente e futuro empobrecidos e rebentados não passam de um “disto” !!!!!!
 
O CASPER recogitou: se estamos de acordo - o Passos Coelho está cheio de nós e quer ir embora. Nós estamos cheios dele e queremos que ele vá embora - falta o quê ??? 
 
 
 
TERCEIRO
Com o desemprego em 18%, com mais de 13.000 casais desempregados, com mais de 55% de desempregados que não têm qualquer apoio social, com crianças a passarem fome ….. eis que ficamos a saber que uma tal de Maria da Conceição Leal, gestora do Banif, recebeu, em 2012, 982 mil euros de salários e prémios como compensação pelo seu desempenho numa operação no Brasil que correu mal e que fará com que o Banif deixe aquele país !!!!
Pior …. Pior é que o Banif em vias de falir foi intervencionado pelo governo do Passos Coelho e Paulo Portas, passando o estado a possuir 99% do seu capital.
Quer isto dizer que a nossa pobreza e a miséria dos desempregados serviu para pagar 982 mil euros de salários e prémios a uma Maria da Conceição Leal, gestora do Banif que ainda por cima fez asneira da grossa !!!!! 
 
 
O CASPER recomenda vivamente que vejam e ouçam as envolvências do BANIF para acreditarem que este banco deveria passar a chamar-se BPN 2 …. 
 
 
 
 QUARTO
Os Passos Coelhos, os Paulos Portas, os Gaspares e os seus duplos andaram a matraquilhar-nos que tem que nos cortar nas pensões, reformas, salários, subsídios de desemprego, prestações sociais e mais uma porrada de coisas porque a Segurança Social está falida, não aguenta e um dia destes nem 1€ de reforma tem para nos dar.
Agora veio o Portas com ar muito sério apresentar-nos uma história de uma linha que não ultrapassa e a sua incompatibilidade com mais um imposto sobre as pensões.
Aí é ??? Então porque carga de água é que este “democrata-cristão” não desenha também uma linha e arranja uma incompatibilidade para o corte brutal de 10% a 20% que retroativamente, resultará da convergência das pensões da Caixa Geral de Aposentações com as pensões da Segurança Social ?!?!?
Aí é ??? Então porque raios, o Vítor Gaspar e o Mota Soares, ministro do CDS-PP se preparam para mandar o Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social comprar até 90% dívida pública portuguesa, depois de já no 1.º semestre do ano passado terem comprado um valor que atingiu 55,4% ????
http://economico.sapo.pt/noticias/seguranca-social-vai-reforcar-compra-de-divida-publica_169604.html
 
 
O CASPER pergunta se o Passos Coelho ainda se lembra da barulheira que ele e os amigos fizeram quando no governo de Sócrates e já depois do chumbo do PEC 4, e não antes, o Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social comprou dívida pública portuguesa de apenas 2% da sua carteira, defendendo na altura o agora 1º Ministro que se estava a pôr em causa a sustentabilidade da segurança social ???  
 

Sem comentários: