Número total de visualizações de página

quarta-feira, 23 de maio de 2012

EM LAMEGO .... A EDP E OS CONTADORES DE ELETRICIDADE COM MIOLOS !!!!




A NOTICIA ….
“ Os moradores do concelho de Lamego vão dentro de muito pouco tempo dizer adeus aos velhos contadores de eletricidade e receber em troca uma EDP Box que fará a ligação das suas casas à nova rede inteligente de energia. Esta alteração insere-se no Projeto InovGrid que será aplicado, numa primeira fase, apenas em sete concelhos do país, após o sucesso alcançado no teste piloto em Évora, onde os clientes obtiveram ganhos de eficiência energética de cerca de 3,9%, em relação aos consumos anteriores.
Durante a apresentação pública do InovGrid em Lamego, Francisco Lopes, Presidente da Câmara Municipal e quadro superior da EDP, saudou a escolha deste município para testar as vantagens deste projeto: “Ao longo dos últimos anos, a EDP tem efetuado investimentos avultados no concelho e na região de modo a melhorar a prestação de serviços. A autarquia tem encontrado nesta empresa um parceiro e um fornecedor viável para a busca das melhores soluções juntos dos consumidores”.
Além da leitura normal de consumos, os novos contadores que serão colocados exatamente no mesmo local dos atuais, por terem a mesma dimensão, vão permitir controlar o fluxo de energia, detetar e resolver situações anómalas à distância e ter acesso a toda a informação da rede, através, por exemplo, de um computador ou de um PDA. Deixará ainda de haver, como até agora, leituras por estimativas. Os clientes vão passar a pagar apenas o que efetivamente consomem. “ 


Esta coisa da rede elétrica inteligente é muito VIP !
E termos em nossas casas contadores de eletricidade com miolos …. faz-nos sentir realmente VIP´S e gente …. assim, a modos que, muito avançada !
Quem disse que até 2020, 80% dos consumidores portugueses de eletricidade têm de ter contadores inteligentes foi uma diretiva europeia.
Para isso para além do estabelecimento da rede e da central de comando, as distribuidoras de eletricidade terão de substituir os velhos contadores por outros dotados de miolinhos.
Segundo a Entidade Reguladora dos Serviços de Energia a substituição dos quase seis milhões dos atuais contadores, em seis anos, para a telecontagem  custará cerca de mil milhões de euros ( 1,014 milhões de euros), incluindo o novo equipamento e a sua remuneração. A fatura será paga pelos consumidores via tarifas de eletricidade.  
Segundo a ERSE, este encargo vai agravar a fatura em 3,1% no máximo a partir de 2015 entre o sexto e o décimo ano, mas o regulador também garante benefícios superiores resultantes, sobretudo, da redução do consumo.
Ora pois então …. bem nos parecia!
Esta coisa dos contadores com miolos e dos VIP ´S avançados, vai sair-nos dos bolsos !!!!
Dizem eles que seremos compensados pelas reduções nos consumos e por isso, na facturinha final …. poupamos.
Pois …. Mas em Évora, a cidade onde foram experimentados estes miolos, os consumidores dizem que foram enganados …. porque passaram a pagar mais !!!

Depois há uns senhores cientistas que dizem que este sistema permite que sejamos espiolhados …. Sabendo-se, por exemplo, se estamos ao computador, a ver televisão ou nas lides domésticas !!!!
E uns experts informáticos, que entram no sistema, para saberem exatamente os períodos em que estamos ausentes de casa, através do nosso não consumo???!!! Informação que poderá ser utilizada para nos entrarem portas dentro e …. nos limparem ????!!!!
Parece também que teremos de estar muito atentos, porque alguns dos serviços e dos variados tarifários que oferecem …. são de valor acrescentado !
Uma coisa é certa, a EDP daquela trupe toda encabeçada pelo Catroga e o Mexia, que ganham as montanhas de euro-eletrificantes, não está preocupada que em Lamego sejamos VIP´S a preços de saldo …  
O mercado da distribuição elétrica caminha para a liberalização, em que várias operadoras estabelecerão, em concorrência e livremente, os preços e as condições comerciais de fornecimento. Comercializadores e clientes celebrarão contratos de fornecimento com as regras que acordarem entre eles e em que os preços serão concorrenciais.  
Com a forte e crescente presença da concorrência (Iberdrola, Endesa, União Fenosa e Galp Energia), a EDP procura rapidamente angariar vantagens económicas para o Grupo, retendo e captando para si mais clientes.
Ora pois então …. Esta coisa de termos sido selecionados para nos porem contadores com miolos, está infestada de choques elétricos ….  disfarçados !
Além disso, o tempo é curto e a Iberdrola, a Endesa, a União Fenosa ou a Galp Energia ainda aparecem por aqui, a oferecer-nos umas correntezas elétricas com preços mais baixos ou com melhores condições e …. lá se vai a EDP!    

Percebemos que o Presidente Francisco Lopes tenha escancarado as portas de Lamego à EDP …. para começar já a captar e a reter com contratos a clientela Lamecense.
Francisco Lopes sabe que o futuro lhe destina o regresso à sua cadeira de origem …….. a EDP!
Nada melhor do que ir dourando o estofo….  



O CASPER diz que vai ser giro ver a malta toda das nossas freguesias rurais de computador ou PDA em punho, a controlar a eletricidade lá de casa e a resolver os imbróglios dos picos ou dos cortes de energia …. 

Sem comentários: