Número total de visualizações de página

segunda-feira, 8 de abril de 2013

SEMANADA EM PUBLICIDADE ...



 
 
 
 
 
Numa semana diabólica, os portugueses ficaram a saber que para além de serem o melhor povo do mundo, têm o melhor governo do mundo, o primeiro ministro e ministro das finanças melhor do mundo, o melhor presidente da república do mundo, a chuvada e vendaval melhor do mundo, mas que desgraçadamente, quando as coisas estavam a correr tão bem, a economia a crescer, os empregos a serem criados e o País estava à beirinha da salvação, esbarrou-se com uma Constituição desnecessária e nuns juízes irresponsáveis que andam pelo Tribunal Constitucional !!!!    
Sim senhor ! Portugal tem uma Constituição que é um documento chato e incómodo. Um livrinho onde se lembraram de escrever dois princípios - o da igualdade e o da proporcionalidade, os únicos que fundamentaram o chumbo do Orçamento de Estado 2013 (e já em 2012), que impede a tropa que governa Portugal de dar cabo da sua população ainda mais depressa e a que os malvados do Tribunal Constitucional se agarraram para não avalizarem as justas e brilhantes medidas do inspirado e competentíssimo Governo.
Os Juízes do TC foram mesmo, mesmo uns grandes marotos terríficos !!!
Depois de o Cavaco Silva ter mandado fazer uns pareceres muito aprofundados por causa do incómodo pessoal que a sobretaxa sobre as pensões mais elevadas lhe causava e se ter esforçado tanto para lhes mandar apreciar o Orçamento de Estado 2013, os Juízes do Tribunal de Contas foram consideraram-na constitucional e apontaram as inconstitucionalidades para os cortes nos subsídios dos funcionários públicos, dos desempregados e doentes !!!
Conhecidas as inconstitucionalidades, o Passos Coelho foi a correr fazer queixas ao Cavaco Silva e levou consigo o ministro das Finanças.
O presidente Cavaco Silva aproveitou para numa corridinha de meia hora explicar ao Passos Coelho e ao Gaspar que não há nenhuma constituição de um País democrático que não contemple os princípios da igualdade e proporcionalidade, que os governos democráticos estão obrigados a cumprir a Constituição do seu País e ainda teve tempo para fazer um desenho explicativo do que é uma espiral recessiva !!!
Paulo Portas não foi à visita pascal a Belém, nem sequer como transportador do incenso e por isso convenceu-se finalmente que o Gaspar é o número dois do governo e que o líder do CDS é apenas um número decimal para o Passos Coelho. Há quem diga que Paulo Portas espumou por todos os lados, até porque quando pôs o seu chefe da banda a mandar o Álvaro de volta para o Canadá, era para poder ficar com a pasta da economia no seu mini governo do CDS e não gostou nada de ver o Paulo Macedo armado em ministro da Economia no Egipto, enquanto ele ficou à porta do palácio afastado dos desenhos que o Cavaco Silva fez para o Passos e o Gaspar.  
Seguro apresentou uma moção de censura, disse que o governo não consegue acertar uma e que temos de ir para eleições. Os comentadores fizeram filinha para dizerem que a moção de censura era uma treta porque tinha chumbo certo e que o Seguro era um pecador porque queria ser 1º Ministro sem ter ainda feito uma única promessa ao povo.  
O Cavaco Silva disse-nos que temos o governo que ele quer e esclareceu-nos que se o Orçamento de Estado é inconstitucional a culpa não é do seu governo mas da Assembleia da Republica !!!
Passos Coelho, num rasgo brilhante de imaginação, já veio anunciar-nos que apesar das asneiras do Tribunal Constitucional não devemos ficar preocupados porque ele vai continuar a salvar-nos. O seu Governo vai cortar na segurança social, educação e saúde.
Se não acharmos bem, como a culpa é do Tribunal de Constitucional, bora lá para a rua mas desta agora temos de chamar nomes aos terríficos Juízes.  
Miguel Relvas finalmente partiu, triste e ressabiado. Parece que a culpa foi do seu colega do Ensino, que ao fim de quase 2 meses a ler o relatório da inspeção e de o dar a ler ao Passos Coelho, resolveu só olhar para uma única cadeira da sua licenciatura e não dar o valor devido aos bancos todos das equivalências. Miguel Relvas no beijo da despedida a Passos Coelho lembrou-lhe, perante as camaras reluzentes, que teve muita canseira e labuta durante 3 anos para o fazer líder do PSD e o transformar num fraco em primeiro-ministro. Daqui para a frente a vida em Portugal vai ficar muito mais depressiva porque nos faltará a fonte de humor negro que Miguel Relvas nos alimentava. Ainda não sabemos se o recém-nomeado embaixador do Impulso Jovem, que também é Miguel e recrutado no youtube, se manterá ou passará a acompanhar as futuras lides do Relvas.
O Sócrates concluiu os estudos em Paris e reapareceu para fazer a vida do Passos e do Cavaco num inferno labarento.
Por cá, com a saída de Miguel Relvas, Francisco Lopes aguarda que o PSD o informe, quem no governo lhe atenderá agora o telemóvel ….
 
 
 
 
 
O CASPER diz que seria bom que os Juízes do Tribunal Constitucional tivessem um intervalinho para avaliarem as inconstitucionalidades da gestão camarária Lamecense  

1 comentário:

Anónimo disse...

Miuto me admira que tanto se fale e se diga que os Sr.s Juízes do Tribunal de Contas agiram bem. pois bem, estes sr.s demoraram 4 (quatro) repito 4 (quatro) longos meses para darem o seu parecer .
NÃO ACHAM ESTRANHO?
Já agora, é bom que se entenda que para eles ficarem sem o subsídio de Natal ou Férias seria muito complicado até porque os seus ordenados apenas são mais de meia dúzia de milhares de euros.
COMO DIZIA O SAUDOSO FERNANDO " E ESTA EM????"