Número total de visualizações de página

domingo, 24 de março de 2013

CALOTES BANCÁRIOS ....





 
Em Janeiro de 2013, da super mega hiper argamassa dos empréstimos bancários que a Câmara do Francisco Lopes contraiu, cairam prestações no valor de 2 milhões  508 mil 829 euros 95 centimos.

Nos cofres camarários para pagar aos bancos, só havia a singela quantia de 164 mil 259 euros 08 contimos !!!
Por pagar aos bancos, por falta de enchimento da embalagem ficaram 2 milhões 344 mil 570 euros 87 centimos !!!!
Gastar à fartazana com dinheiro de empréstimos bancários a rodos é fácil e folclórico.
Pagar é dificil e impossivel quando não há máquina de fazer euros e não há cheta chetada !!!
Só mesmo, mesmo, mesmo por causa daquela coisa da divida pública que nos obrigam a pagar esmifradamente, alguém deveria levar um recado ao Passos Coelho, Gaspar e Paulo Portas de que em Lamego não foi o povo que andou a viver a cima das suas possibilidades e que a onda tsumanica da gastação autárquica ainda não parou !!!

 
 

  

O CASPER pergunta porque é que os bancos só aplicam ao povo as regras de que quem não paga as prestações bancárias dos empréstimos que fez,  vai viver para debaixo da ponte ….
 
 

Sem comentários: