Número total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

OS DESENCAIXES ........ DO VEREADOR COUTINHO!




O Vereador Coutinho ficou boquiaberto e pasmado, quando viu com todas as cores, que a universalidade das instituições bancárias locais, nacionais e internacionais recusaram abonar a Câmara de Lamego com mais “argent” !!!     
Completamente assanhado, espinhado, arrufado, irado, encolerizado, irritado, sublevado, amofinado e transtornado foi ao seu banco, demonstrar de viva voz a sua raiva.    
Os “Chefes” que não querem a Câmara de Lamego como cliente mas cheios de indulgência motivada pelo recheio das contas bancárias do Vereador, explicaram-lhe longa e demoradamente, o que todos sabemos há muito. No final confessaram-se, completamente desvanecidos! … Coutinho não consegue absorver porque é que os bancos não dão mais “bonds” à Câmara …. 

Nós não ficamos admirados. Coutinho é um dos acusados no processo judicial do montão de “trabalhos a mais” da obra do Teatro Ribeiro Conceição e apesar de o Tribunal há poucos dias ter confirmado a condenação da trupe Camarária, o Vereador da água e do ar, dos cães e dos gatos, das águas descontroladas e das derrapagens no gelo, não há meio de se convencer, que só por este processo, vai ter de pagar umas largas centenas de euros pelo ilícito “pinchasso” !!!


O CASPER está preocupado. O Vereador Coutinho está convencidíssimo que na causa pública, vale tudo e não se paga nada. Quando for condenado (com os restantes comparsas) pelo trambolhão que o Ministério Publico lhe aplicará por causa do último relatório do Tribunal de Contas, vai sofrer um tal colapso, que …. até as águas verterá!
    




Sem comentários: