Número total de visualizações de página

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

FADOS E MÚSICA ....


No Partido Socialista de Lamego continua a haver festins.
O fadista de serviço e os músicos que o acompanham, continuam a cantar e a tocar músicas do fado “vendeto-despeitado”.
Os artistas não conseguem casa cheia nos seus espectáculos, mas como gostando de ouvir os seus próprios timbres “vozicais”, excogitam actuações.

Dizem-nos que uma catrefada de socialistas locais passaram a usar tampões nos ouvidos, porque já não suportam ouvir as suas cantatas.  
A Rainha do PS de Lamego bem os manda cantar para a porta da Câmara de Lamego e darem música ao Francisco Lopes, mas os artistas pelos vistos, não se dão em qualquer casa de espectáculos e por isso, actuações …. só  mesmo  para socialista ver e ouvir.

Do seu reportório mais recente, consta agora uma nova música com o título “criação de secções”.
A partitura e a letra são assim do tipo …. Eu sou o maior melhor, quero ser rei, não me deixam reinar, vamos rachar em secçõezinhas para sermos reizinhos numa delas …  
Pelos vistos, os socialistas locais não gostaram deste fado rachado e por isso não aplaudiram.
Vai daí ….. espectáculo correu-lhes mal !  
Os artistas esperam agora que em Viseu a sua actuação lhes corra melhor.

É uma pena que estes artistas só queiram actuar nos palcos socialistas. O Francisco Lopes bem merecia ser brindado com uma das suas actuações ….


O CASPER diz que não é só por cá, que já há muitos socialistas a usarem tampões para protegerem os ouvidos do fado “vendeto-despeitado” destes artistas Lamecenses.  

Sem comentários: