Número total de visualizações de página

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

AS .... ESQUÁLIDAS .... DE FRANCISCO LOPES!





Extraído da mensagem do Presidente da Câmara de Lamego Francisco Lopes aos Lamecenses – Orçamento e Grandes Opões do Plano 2012 

“ Temos, por isso, que lutar contra a estagnação da economia nacional e a crise financeira, definindo prioridades rigorosas, impondo uma gestão ultra criteriosa dos recursos disponíveis, e tentar garantir a prestação de serviços de esquálidas aos Lamecenses. (sic)”


ESQUÁLIDAS ????

Redizemos ….


PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ESQUÁLIDAS AOS LAMECENSES ?????


Francisco Lopes dirige-nos uma mensagem presidencial e diz-nos que garante prestar aos lamecenses serviços de esquálidas, que o mesmo é dizer, abjectos, imundos, repugnantes, sórdidos, sujos, vis ???


Fizemos um esforço enorme para acreditar no que líamos! Lemos de trás para a frente, da frente para trás, de cima para baixo, de baixo para cima, do direito e do avesso. Usamos óculos com diferentes graduações, lentes de contacto e até lupas ….

Insistimos …..

Francisco Lopes escarrapachou mesmo, mesmo, mesmo… “ garantir prestação de serviços de esquálidas aos Lamecenses”…..



Isto já não é só uma “infrase” : “ …garantir a prestação de serviços de esquálidas aos Lamecenses.”……. é um insulto.

Pois fica Vossa Divindade a saber, que jamais aceitaremos que nos insulte!

Sim, porque ao achar que nos pode atirar para cima, com uma prestação de serviços esquálida, o Presidente da Câmara está a colocar-nos ao nível de tudo o que é abjecto, imundo, repugnante, sórdido, sujo, vil….

Por ventura acharia Vossa Divindade que não saberíamos o que significa esquálidas ???
Porventura estará Vossa Excelência convencido que esse é o nível de serviços que os Lamecenses merecem ???




Pois fique também Vossa Senhoria a saber, que os Lamecenses renunciam e devolvem à procedência a sua “garantia de prestação de serviços de esquálidas”!


Não sabemos o que se passou nos neurónios do Presidente da Câmara de Lamego, mas a mensagem do seu “intexto” com que iniciou o seu Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2012 e que nos dirigiu, é objectivamente de um enorme “azoratamento”!


Sabemos que o desespero de Francisco Lopes pelo estampanço financeiro é imenso, mas nada justifica que nos atire com “esquálidas”.   




O CASPER quando leu, exclamou: … “esquálidas” também para si Sr. Presidente da Câmara!

Sem comentários: